fbpx

Homens também podem ter varizes

Se você pensa que sofrer de varizes é problema só de mulher, está enganado. Dores, inchaço e sensação de peso são sintomas peculiares de quem apresenta varizes nas pernas, e apesar das mulheres serem as e[maiores “vítimas”, os homens também devem ficar de olho: em média, um em cada cinco homens sofre do problema, principalmente a partir dos 30 anos.

O fato é que quando as varizes aparecem é sinal de que as veias das pernas não estão funcionando como deveriam. O correto é o sangue circular e voltar para o coração. Mas, quando estas válvulas falham, o sangue não circula direito e desta forma, acumula-se nas pernas, formando as varizes. 

As causas das varizes são diversas. Entre elas, a principal é a herança familiar. Se algum dos pais tem varizes, as chances de que os filhos terão o problema no futuro é consideravelmente maior. Ainda, o excesso de peso, o sedentarismo, a obstipação intestinal e o exercício físico exagerado colaboram para o seu surgimento. Outra causa frequente das varizes é passar muito tempo em pé ou sentado na mesma posição. 

As varizes em homens têm a mesma origem que as varizes em mulheres, apesar delas terem mais fatores de risco para desenvolver a doença. A única diferença das varizes masculinas é que os homens demoram mais a cuidar e só recorrem ao médico quando as dores ficam crônicas.  Por vezes, os pelos das pernas masculinas escondem as varizes pequenas e com isso, eles postergam o tratamento permitindo o agravamento da situação. 

Não é preciso esperar os vasos aparentes sob a pele ficarem maiores e mais grossos para buscar tratamento. Em varizes mais finas, há opção de aplicar injeções com substâncias que irritam e destroem as veias. As mais grossas são removidas com cirurgia.

Entretanto, a demora pela busca do tratamento, só aumenta os riscos de complicações. Quando não tratadas, as varizes podem aumentar, causando piora na dor e no inchaço. Também podem causar sangramento, inflamação e feridas nas pernas. 

As varizes devem ser diagnosticadas precocemente pelo profissional adequado através de exames específicos que irão verificar se as veias estão funcionando bem e se estão obstruídas. 

Existem hábitos que ajudam a prevenir as varizes entre eles, praticar atividade física regularmente. Os melhores exercícios são os que se fazem movimentos repetitivos com as pernas sem a presença de muita força como: corrida, bicicleta, natação, tênis e futebol. Esses tipos de exercícios melhoram a circulação sanguínea e fazem com que o sangue caminhe em direção ao coração de forma mais fácil. 

Outra forma importante de evitar o problema é não ficar muito tempo parado em pé ou sentado. Atitudes como: movimentar as pernas e fazer pequenas caminhadas pode ajudar, pois estimulam a circulação. Também é importante ficar atento para manter o peso certo, além de evitar as varizes, ajuda na prevenção de outras complicações como a diabetes, doenças do coração e das articulações. 

Vale ressaltar, que a prevenção é necessária para todos com históricos familiares. E aqueles que já percebem o aparecimento de varizes nas pernas devem procurar o especialista o mais cedo possível para avaliação e tratamento adequado. A demora pela busca de solução pode piorar o caso. Com o tratamento adequado, os homens podem ter pernas muito mais saudáveis.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Comente com seu Facebook

Clique aqui e garanta seu desconto para anunciar

Você pode ganhar até 25% de Desconto para Anunciar!

Durante o estado de calamidade estamos oferecendo desconto especial para anunciantes que fizerem seus contratos de forma digital. Clique no botão abaixo para que nossa equipe entre em contato com você.
Preencher formulário

Receba as matérias por email

Preencha corretamente os campos abaixo

Quem viu, também viu...

Ações Sociais
Revista FOCO

CAMPANHA SANGUE BOM

Se tem uma palavra que pode descrever a equipe do Rotary Estância das Águas durante essa quarentena, ela é SOLIDARIEDADE! Você, leitor, já conferiu por